Enfim o Atlântico!

Trip Start Oct 12, 2010
1
37
54
Trip End Dec 31, 2012


Loading Map
Map your own trip!
Map Options
Show trip route
Hide lines
shadow
Where I stayed
Hansa Hotel Swakopmund
Read my review - 5/5 stars

Flag of Namibia  ,
Monday, November 8, 2010

Por Robson                                              English versionEnglish Version


Projeto 20°12' tem como objetivo registrar situações de todos os países com terras no paralelo 20°12'Sul. Para saber mais sobre o Projeto 20°12', visite a página inicial sobre este blog.

Esse foi mais um dia cheio! Depois de vermos leopardos após uma busca trepidante e visitarmos o monumento nacional de pegadas de dinossauros, finalmente chegamos ao mar em Swakopmund, que é considerada a capital nacional dos esportes radicais na Namibia.
 
 
Diferentemente das demais estradas que pegamos na Namíbia (com pouquíssimos carros), o trecho de Usakos até Swakopmund é bem mais movimentada. Nada muito aterrador. O tráfego flui bem. A velocidade média dos veículos deve ser uns 90km/h, não há longas filas de carros atrás de caminhões, mas com carros em alta velocidade em uma via de mão dupla, com algumas curvas e morrotes. Como nao tinhamos muita potência extra no motor para uma aceleração rápida tivemos que ter mais paciencia e muita atenção antes de iniciar uma ultrapassagem na faixa contrária.
 
 
Estávamos ansiosos por chegar em Swakopmund por dois motivos. O primeiro é que a chegada ao Atlântico foi seria um marco para nós. O Brasil estava logo ali em frente. Bastava atravessar o oceano :-) O outro motivo é que estava realmente quente no interior do país e um banho de mar viria bem a calhar...
 
 
Chegamos e fomos direto ao mar. Descemos do carro em um píer turístico chamado Jetty, com um restaurante em sua cabeceira. Ao descermos do carro, tivemos uma surpresa. O frio que fazia! Tivemos que sair com casacos! OK nada de banho de mar no primeiro dia. Curtimos um pouco o visual e fomos cacar um lugar para dormir.








Encontramos um hotel excelente, central, com um atendimento ótimo, mas que só disponível para 1 de nossas 3 noites. Um dos riscos de chegar sem reservas... No dia seguinte o Guilherme arrumou um apartamento da "Casa Cor" que alugamos para os dias seguintes.

 

 



 







No dia seguinte (depois de descolar o ape) e fazer os acertos para o passeio do dia seguinte, fomos curtir um pouco a cidade. 
 









 
Alugamos quadriciclos de umas portuguesas que abriram um negocio na cidade e fomos explorar as dunas da cidade. Sensação de total liberdade. Ate umas coisas estranhas apareceram nas fotos. Seriam discos voadores? Tempestade de meteoritos? Sei la... diga você!

































































 






 
O guia que nos acompanhou acabou capturando uns animais que vivem nesse local inospito (o ibama deles que nao descubra), um besouro e uma lagartixa. So faltou a aranha... Passeio fantastico!























 






 
No fim do dia, um por-do-sol cinematográfico no mar... 
 













 
E no dia seguinte pegamos um monomotor para visitar as famosas dunas de Sossusvlei, mas essa e outra historia ;-)

------------------------------------------------------------------------------------ 
Projeto 20°12'............................................Projeto 20º12' : Projeto 2012
www.projeto2012.com.br
Slideshow Report as Spam

My Review Of The Place I Stayed



Loading Reviews
  • Your comment has been posted. Click here or reload this page to see it below.

  • You must enter a comment
  • You must enter your name
  • You must enter a valid name. < > \ / are not accepted
  • Please enter your email address to receive notification
  • Please enter a valid email address

Comments

Fabiana Poubel on

Muito legal esta aventura de vcs! bjs

Tereza on

Adorei todas as fotos que voces enviaram os links. Aí que a gente vê que a natureza se impõe em muitos cantos do mundo. A beleza é indiscritivel nas fotos da Australia e Vanuatu. Fiquei com muita saudade da Namibia novamente pois tive em 2008 e passei um frio danado!! Essa corrente de agua gelada que vem do sul é responsável pela desertificação do norte da AS até o sul de Angola e causa um clima chamado pelos angolanos de cacimbo, onde numa latitude equivalente a Maceió (será mesmo, me esqueci.), temos um frio danado depois que o sol se vai.
Parabens pelas fotos e pelos comentários!! Que delicia de viagem! Aproveitem e cuidem-se bastante! Beijos nos dois!!

Use this image in your site

Copy and paste this html: